Manutenção de sistemas e equipamentos de óleo hidráulico

O acionamento hidráulico continua sendo o método prioritário de transferência e transformação de energia para movimentar os corpos de trabalho das máquinas de mineração e construção de estradas. Ele também encontra aplicação na indústria de ferramentas, aviação e indústria automotiva. Confiabilidade e durabilidade do acionamento hidráulico é capaz de fornecer a manutenção oportuna do óleo.

Porque é que o estado do óleo hidráulico se deteriora

Durante a operação do equipamento equipado com um atuador hidráulico, devido ao vazamento de compostos existentes, a umidade pode entrar no óleo, bem como partículas de metal resultantes do desgaste das peças. O ambiente é uma fonte de poluição pela poeira. Quanto mais matéria estranha no petróleo, maior a probabilidade de entupimento e falha de todo o sistema. Isso pode resultar em tempo de inatividade não planejado e reparos caros .

Manutenção de óleo: qual abordagem escolher?

Ao usar máquinas e equipamentos hidráulicos, a manutenção do óleo é de grande importância. A estratégia escolhida de maneira adequada permitirá reduzir as despesas financeiras pelo menos nos seguintes pontos: compra de óleo novo ; eliminação de óleo usado; reparos não programados. Infelizmente, existe uma abordagem comum em que o óleo hidráulico que atingiu certo grau de contaminação (geralmente crítico) é simplesmente substituído por um novo. Os proprietários de tecnologia esperam por filtros estacionários instalados no sistema de óleo. Mas esses dispositivos nem sempre conseguem resolver bem as tarefas. Isto é devido ao enchimento de óleo já contaminado. Não tendo estado em operação, pode acumular impurezas suficientes durante o armazenamento a longo prazo. O segundo fator, que limita a eficácia dos filtros estacionários, está relacionado à sua finura filtrante. Segurando as partículas maiores, os filtros permitem menores, que são capazes de causar danos significativos ao sistema hidráulico. Portanto, o programa de manutenção de óleo hidráulico e equipamentos deve incluir pelo menos três pontos obrigatórios: – Filtração de óleo antes de abastecer no equipamento. – Determinação do grau de contaminação do óleo. – Limpeza periódica do óleo durante o seu ciclo de vida. Oil treatment

Métodos para purificação de óleos hidráulicos

Os seguintes tipos de limpeza são utilizados para o tratamento de óleos hidráulicos: gravitacional; magnético; eletrostático; centrífuga. O princípio da limpeza por gravidade é baseado na força da gravidade, sob a ação de que os poluentes caem para o fundo do tanque de óleo. A limpeza magnética visa combater as impurezas metálicas com um tamanho de 0,5-5 microns. A limpeza eletrostática usa a carga de impurezas, que eles recebem como resultado do atrito com o óleo. Quando um fluido passa entre dois eletrodos, as partículas são atraídas por um eletrodo com carga oposta. A limpeza centrífuga permite a separação de sistemas líquidos heterogêneos sob a influência de forças centrífugas.

Princípio de seleção de filtro

Ao escolher filtros para um sistema hidráulico, muitos fatores precisam ser considerados, os principais são:
  • tamanho do equipamento;
  • sensibilidade do equipamento à contaminação;
  • grau exigido de confiabilidade operacional;
  • tipo de fluido de trabalho;
  • condições de operação.

Solução abrangente da GlobeCore

Ao servir óleos hidráulicos, a GlobeCore propõe a utilização de equipamentos compactos e energeticamente eficientes que implementam o tratamento complexo do fluido de trabalho (filtração, efeitos de temperatura e vácuo, adsorção, etc). O uso oportuno de instalações móveis do tipo CMM permite:
  • estender a vida útil do equipamento;
  • aumentar sua confiabilidade operacional;
  • reduzir o custo de compra de óleo novo e descarte de resíduos.